O Sistema Touchless e suas aplicações

segurança - por Security

5 de Janeiro de 2022

Você já ouviu falar no termo Touchless? Este tipo de tecnologia se tornou ainda mais relevante durante a pandemia do COVID-19, tendo em vista a redução da necessidade de interação física.

Ela é caracterizada por um conjunto de soluções que, por aproximação física ou interação corporal, realiza a leitura de permissão de acesso e define se a pessoa que o solicita pode adentrar em um determinado ambiente.

Catracas em forma de barreiras de vidro, por exemplo, podem se abrir com a aproximação das pessoas fazendo sua leitura facial. Há uma combinação de tecnologias: a barreira física e o dispositivo que fará a leitura. 

As soluções incluem câmeras termográficas com algoritmos que escaneiam a face e medem a temperatura. Além disto, há sistemas em que os visitantes realizam web check-in em seus smartphones, depois de receberem um QR Code. 

Confira abaixo, variações da tecnologia:

  • Reconhecimento facial: avanço do conceito de VMS (Video Monitoring System), trazendo soluções com sistemas de CFTV (Circuito Fechado de Televisão) que é um sistema que analisa detalhes do rosto e associa essa leitura à uma identidade. Além de medir a temperatura das pessoas, também reconhece os dados mesmo se o visitante estiver usando máscara de proteção;
  • Reconhecimento de íris: sistema que mapeia a parte mais visível e colorida do olho humano por meio de raios infravermelhos. É feita uma foto dessa área, que é única, e as informações são armazenados de forma semelhante ao reconhecimento facial. Esse é um elemento difícil de ser falsificado e não sofre alterações significativas à medida que envelhecemos.
  • QR Code: no caso de controle de acesso, dados previamente cadastrados são enviados por meio desta tecnologia liberando a entrada em determinado ambiente.
  • Biometria touchless: permite a captura de imagens sem a necessidade do contato físico. Seu grande atrativo é permitir a utilização de aparelhos que o usuário já possui, como por exemplo câmeras de smartphones ou webcams, possibilitando assim, uma versatilidade mais ampla. 

Essas soluções vêm conquistando espaço no mercado e ganhando a atenção de gestores de segurança, especialmente pelo fato delas se integrarem à softwares com analíticos de inteligência. 

Comentários

Posts mais lidos

Processos Seletivos pós-pandemia

Entenda a diferença entre os processos seletivos tradicionais e os que contam com automatização e digitalização de etapas, que vêm se tornando cada vez mais comuns no ambiente corporativo.

leia mais »