Processos Seletivos pós-pandemia

- por Security

13 de Maio de 2022

A pandemia de Covid-19 transformou o processo de seleção de vagas de trabalho nas empresas: muitas, que ainda o faziam manualmente, precisaram se adaptar e adotar o formato online de entrevistas. Outras, que já contavam com etapas digitalizadas não sofreram tanto com essas mudanças. 

Atualmente, as empresas mais inovadoras buscam digitalizar todos esses processos. Porém, antes de chegar a uma operação 100% digital, a automatização de algumas etapas já permite agilizar e facilitar.  

Em um momento de alto índice de desemprego no país é muito importante atuar de forma cidadã, priorizando a agilidade dos processos internos e também a facilidade e baixo custo para os candidatos, uma vez que boa parte da população enfrenta a dificuldade de poucos recursos e uma limitação para o deslocamento em busca de emprego. No nosso segmento, contamos com candidatos de diversos lugares do Brasil, desde as grandes capitais, até os lugares mais distantes e com pouco acesso a serviços e infraestrutura local.  

Desta forma, a digitalização do processo de Recrutamento e Seleção beneficia tanto as empresas, quanto todos os que participam dos processos seletivos. 

Como funciona um processo seletivo digital? 

Em um processo conduzido de forma digital, todas as etapas, desde a publicação de vagas até o avanço para fases classificatórias acontecem dentro das plataformas. Elas contam ainda com a técnica de inteligência artificial, que apoia as triagens de currículos, fazendo uma pré-seleção destes e, à medida que vai entendendo os tipos de perfis que a empresa mais contrata, aprende a indicar os currículos mais aderentes a estes perfis, facilitando o trabalho do recrutador.  

As plataformas possibilitam ainda que os candidatos façam o carregamento (upload) dos currículos sem a necessidade de preencher vários campos para o cadastro das informações. À medida em que avançam a outras etapas do processo também são informados automaticamente por e-mail quanto à sua aprovação ou não.  

Outra facilidade são os vídeo-currículos e a realização de testes comportamentais ou de habilidades específicas, como matemática ou lógica.  

Aqui na Security, trabalhamos para obter processos seletivos 100% digitais. Regiane Borzani, gerente de DHO, comenta: "Após a publicação de nossas posições em plataformas e mídias digitais e físicas, os candidatos acessam nossas oportunidades pelo Trabalhe Conosco e iniciam sua inscrição àquelas que têm maior aderência ao seu perfil profissional. A partir daí iniciamos a triagem interna e a realização das entrevistas online. Após a aprovação em todas as etapas, iniciamos o processo admissional também de forma digital. 

O processo digital contribui com a aceleração de prazos, redução de custos e aumento da assertividade nas contratações. A Security busca eficiência, tratando a essência dos processos. O pensamento digital já era uma necessidade antes, e hoje é condição de sobrevivência no mercado. A pandemia provou que todos são capazes de se reinventar e fazer diferente”, afirma Regiane. 

 Maior facilidade na inclusão de Pessoas com Deficiência 

A digitalização permite alcançar um número muito maior de pessoas, já que é possível acessar diversas localidades e regiões com mais velocidade e facilidade. Há uma aceleração na recolocação dos trabalhadores no mercado, incluindo os portadores de deficiência.

Apesar de no Brasil existir a Lei de Cotas para PCD 8213/91, que prevê que uma porcentagem das vagas de cada empresa seja destinada a pessoas com deficiência, a inserção e recolocação desses profissionais ainda é muito difícil no mercado de trabalho. De acordo com a Relação Anual de Informações Sociais (RAIS), mesmo após contratação recorde entre 2011 e 2017, profissionais com deficiência ainda representam apenas pouco mais de 1% dos profissionais trabalhando em regime CLT.

Na Security, todas as vagas são abertas para PCD. Além disso, temos algumas exclusivas. Nos preocupamos com a acessibilidade e a preparação das equipes para receber e acolher os colegas portadores de deficiência. Por isso, organizamos palestras e treinamentos internos relacionados ao tema, que ocorrem também de forma digital em boa parte. 

Comentários

Posts mais lidos

Processos Seletivos pós-pandemia

Entenda a diferença entre os processos seletivos tradicionais e os que contam com automatização e digitalização de etapas, que vêm se tornando cada vez mais comuns no ambiente corporativo.

leia mais »