Diversidade e inclusão na cultura organizacional

- por Security

27 de Julho de 2022

Promover diversidade e inclusão é muito mais do que preencher cotas. Este tema envolve pessoas, suas vivências e individualidades e tem ganhado cada vez mais força. 

É comum que profissionais queiram fazer parte de empresas que valorizem as diferenças, entendendo de forma específica e igualitária as situações do dia a dia, alinhadas à boas práticas de diversidade e inclusão no ambiente corporativo, com políticas que façam diferença para o colaborador. 

Acreditamos que o incentivo a essas políticas inclusivas possibilitam maior engajamento e motivação às equipes; aumento da criatividade e produtividade; redução de conflitos; mais respeito e tolerância; saúde mental e emocional; inovação contínua; aumento da competitividade da empresa, além de torná-la referência de mercado.

Dentro de nossas ações sob este tema, estão as vagas para pessoas com deficiência, participação em feiras de empregabilidade para PcD, divulgação da 1ª cartilha da Federação Nacional das Empresas de Segurança e Transporte de Valores, com objetivo de combater qualquer prática discriminatória dentro do segmento de segurança, também conscientizando sobre o respeito e a Universidade Security, onde são explorados trilhas com temas sobre homofobia, racismo, violência contra a mulher, xenofobia, maus tratos a animais e preconceito social, etário e religioso, além do curso específico Segurança Sem Preconceito, alinhado à cartilha.

A diversidade no ambiente de trabalho também facilita novos conhecimentos e habilidades, além de competências como empatia e modos de lidar com o outro, incentivando a singularidade de cada indivíduo, o que faz toda a diferença. 

Por aqui, o alinhamento a essas práticas faz parte do cotidiano e sempre estamos melhorando. Nossas iniciativas estão presentes em todos os processos, considerando sempre a questão profissional e não características físicas, de gênero ou orientação, afinal a inclusão e a promoção da igualdade nas empresas é um tema amplo, que se reflete em organizações como consequência de seu debate na sociedade. Ele está presente em casa, na educação com os filhos, sob o aspecto de como alfabetizá-los e ensinar valores, complementando o papel da escola; em informações sobre saúde e gênero, que vão desde a pesquisa, ao trabalho da imprensa e também de órgãos públicos relacionados e, por último, mas igualmente importante, sobre viver em sociedade, ter empatia e respeitar o outro e suas escolhas. Invista em diversidade e inclusão, isso faz a diferença.

Comentários

Posts mais lidos